MAURO NOGUEIRA VALIAS
(1931 - 2011)

 

Nascido em 15 de junho de 1931, em Varginha, MG, formou-se pela Faculdade de Medicina da Universidade Federal de  Minas Gerais (UFMG), em 1957. Especializou-se em Ortopedia e Traumatologia.

Dr. Valias foi o primeiro médico ortopedista no sul de Minas. Até então, na região existiam apenas especialistas em traumatologia. Entre suas várias contribuições para a comunidade local, chefiou a primeira equipe do SAMDU (Serviço de Assistência Médica Domiciliar de Urgência), hoje conhecido por SAMU (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência). Foi o responsável por trazer esse tipo de serviço para a cidade onde nasceu.

Era um grande conhecedor da história de Varginha. Regularmente publicava artigos no jornal local, Diário Correio do Sul, onde comentava fatos relacionados à cultura e ao desenvolvimento de sua cidade natal.

Como filatelista, o Dr. Mauro Valias colecionava selos do Brasil e das Colônias Britânicas. Sua coleção de 1 quadro 'Os Falsos de Betim' ganhou, entre outros prêmios, medalhas de bronze nas exposições Vila Rica-2005 e Lubrapex-2006.

Foi membro do Clube Filatélico de Sete Lagoas, da Câmara Brasileira de Filatelia (CBF) e da Associação Mineira de Filatelia Temática (AMIFITE). Também foi sócio fundador da Federação dos Filatelistas do Brasil (FEFIBRA).  

Filiado à Associação Brasileira de Jornalistas Filatélicos (ABRAJOF # 262), por mais de 20 anos assinou uma coluna filatélica no Diário Correio do Sul. Como jornalista Filatélico, em 1986 ganhou o prêmio 'Ângelo Zioni'.


Em junho de 1996 começou a escrever uma seção para a revista 'Mosaico' da CBF (Ano VI, Nº 17), chamada 'Notas para os selos', que perdurou até o último número dessa publicação (Ano XIII, Nº 39, Dezembro de 2003). Em julho de 2004, a mesma seção passou a ser publicada na revista 'A Filatelia Brasileira' da FEFIBRA (Ano I, Nº 1). Seu último artigo foi na revista de junho de 2011 (Ano VIII, Nº 15). Também na Lubrapex-2006, na classe Literatura Filatélica, esse trabalho foi premiado com medalha de bronze.

Na imprensa filatélica brasileira, a coluna 'Notas para os selos'  (publicada durante exatos 15 anos) era uma das mais apreciadas, tanto pelos colecionadores como pelos Correios. Estes últimos viam, nos comentários do Dr. Valias, elementos importantes para  aprimoramento
, modernização e divulgação dos selos brasileiros.

Dr. Mauro Nogueira Valias faleceu na quarta-feira 27 de julho de 2011, em São Paulo, SP, onde estava hospitalizado. O corpo foi velado na quinta-feira, 28 de julho, na Associação Médica de Varginha. O sepultamento ocorreu às 15:00 horas do mesmo dia, no cemitério municipal.

Aos 80 anos de idade, Dr. Valias deixa esposa (Sra. Mariana Vilela Valias), 2 filhos (Mariana e Giancarlo) e 2 netos. Aos familiares e amigos, os votos de pesar da FEFIBRA e dos filatelistas do Brasil.