Luiz Antonio Duff
de Azevedo (1937 - 2014)



 


LUIZ ANTONIO era natural de São Paulo, SP.

Durante sua vida estudantil, DUFF passou pelos Colégios São Luiz (SP), Santo Américo (SP), Porto Seguro (SP) e Cataguases (MG). Em sua vida universitária cursou Administração de Empresas na Pontifícia Universidade Católica (PUC) e Marketing Industrial em Sundridge, na Inglaterra.

Profissionalmente, LUIZ ANTONIO trabalhou em empresas especializadas na fabricação de embalagens de vidro para indústrias de perfumaria e produtos farmacêuticos. Em 1984 foi nomeado Diretor de Marketing. Aposentou-se exercendo tal cargo.

Em 2001 DUFF publicou o livro “Selos, Viagens e Envelopes” onde são apresentados vários envelopes circulados com selos comemorativos do Brasil. Também são contadas as histórias da República Velha (1889-1930), dos Movimentos Revolucionários do século XX e do governo Vargas.

Sua coleção “História Postal dos selos comemorativos do Brasil de 1900 a 1942” foi premiada com medalha de ouro na exposição Vila Rica – 2005, promovida pela FEFIBRA em Ouro Preto, MG. Nessa mesma exposição, seu livro ganhou vermeil grande.

Em 2007 DUFF lançou seu segundo livro, '“História Postal dos selos comemorativos no Brasil (1900 a 1942)'”. Essa nova publicação (português/inglês) ganhou medalha de ouro (86 pontos) e premio especial da classe Literatura Filatélica na FLORIPA-2008, exposição também promovida pela FEFIBRA (julho/agosto em Florianópolis, SC). Na LONDON-2010, realizada em Londres (8 a 15 de maio), recebeu medalha de vermeil (83 pontos).

DUFF DE AZEVEDO foi um grande colecionador de envelopes circulados com selos comemorativos do Brasil. Tal fato ficou demonstrado tanto em sua coleção como em seus dois livros. Suas publicações foram fontes de inspiração para muitos colecionadores em nosso país.

Foi associado da FEFIBRA (Federação dos Filatelistas do Brasil) e da SPP (Sociedade Philatélica Paulista). Na revista A FILATELIA BRASILEIRA, Nº 18 / Dezembro de 2012, editada pela FEFIBRA, foi publicado o seu último artigo: 'Selos Comemorativos do Brasil : 1900 - 1942 (padrão réis)'.

Nos últimos anos DUFF vinha lutando contra terrível doença. Sua última aparição em reuniões filatélicas foi na manhã de um sábado, na SPP, em setembro de 2012.

DUFF AZEVEDO faleceu em 22 de novembro de 2014. Deixou esposa (Sra. Anna Maria), dois filhos (Paulo, já falecido, e Fábio), uma neta (Júlia) e um neto (Felipe).